Siga a Rafale no Facebook

Como lavar sua moto corretamente após uma viagem?

Como lavar sua moto corretamente após uma viagem?

Quem ama sua motocicleta sabe que deixá-la brilhando depois de encarar uma viagem é a melhor coisa do mundo. Parece que o veículo ficou até mais novo, recém-saído da fábrica.

Entretanto, todos nós que possuímos moto cometemos alguns erros que podem acabar danificando a pintura, o brilho, a parte elétrica e até a parte mecânica do veículo durante a lavagem.

Se você quer descobri o jeito certo de lavar sua estradeira, continue lendo este texto e confira as dicas que preparamos exclusivamente para você que tem uma verdadeira máquina em sua garagem.

Não use só pano e água

Usar um pano com água pode ser mais rápido para quem não tem muito tempo para cuidar da sua moto. Mas, se você tem um amor pelo seu veículo, saiba que isso não irá deixá-lo do jeito que você quer.

O pano e a água só limpam superficialmente, deixando o motor e demais peças internas sem o devido cuidado, os expondo à sujeira, ao barro e, consequentemente, ao risco de oxidação.

Troque o pano por uma esponja de microfibra específica para lavagem de veículos. Esse tipo de produto não mantem a sujeira na superfície, evitando riscos.

Lave na sombra com o motor frio

Para não correr risco de obter algumas queimaduras graves, tanto solares, quanto do escapamento e motor extremamente quente do seu veículo, trabalhe à sombra e com o motor frio.

Além de eliminar o risco de queimaduras, produtos de limpeza e polimento, como o detergente neutro/shampoo para moto e a cera funcionam melhor em superfícies frias, evitando manchas.

Use dois baldes

Para não levar um susto com a conta de água no fim do mês e cuidar do nosso planeta, apenas molhe sua moto com uma mangueira, encha um balde e feche a torneira. Uma dica é usar dois baldes, um para a água e outro para o shampoo ou detergente neutro diluídos em água.

Não use lavadoras de alta pressão, isso aumenta o risco de entrar água na caixa de ar e nas vedações que protegem a parte elétrica.

Evite também jogar água no reservatório do fluído de freio. Se preferir, cubra o local com plástico.

Lave de cima para baixo

Passe o shampoo de lavagem automotiva com a ajuda da esponja de microfibra. A partir do tanque da moto.

Enxague sempre a esponja no balde com água limpa, não deixando a sujeira acumular.

Não passe a esponja na corrente ou demais componentes com óleo ou graxa. Para limpar esses locais, use uma escova de dente nova.

Para enxaguar…

Use novamente a mangueira de forma rápida, evitando desperdício de água.

Não deixe que a moto seque sozinha, utilize um pano limpo nas superfícies mais externas.

A aplicação de cera e demais produtos de polimento deve ser feito com cuidado, já que alguns produtos não podem ficar expostos ao Sol.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × dois =